Portugal

José Carlos Santiago

Curador e Facilitador

www.jcsantiago.info
www.jcsantiago.net
www.jcsantiago.com

Abordagens para a sua Saúde e Bem Estar

Libertação Miofascial

Como o nome indica, esta terapia liberta a fáscia muscular.

A Libertação Miofascial é uma terapia que através de um toque suave liberta tensões, emoções e somatizações existentes e acumuladas nos tecidos, desmemorizando os tecidos e as células das suas memórias, traumatismos, tensões e somatizações acumulados ao longo da vida.

Todo e qualquer traumatismo fica registado a nivel celular levando as células e os tecidos a entrarem em disfunção e alteração de funcionamento, dando origem (muitas vezes só anos mais tarde) a problemas de saude variados.

As emoções vividas ao longa da vida acabam sendo somatizadas nas células e tecidos levando-os a alterarem o seu funcionamento.

A Libertação Miofascial usa um toque suave para conseguir sentir e libertar essas memórias, tensões e somatizações para que os tecidos alcancem de novo a sua flexibilidade e elasticidade.

Algumas das técnicas usadas podem consistir em estiramentos, alongamentos, desenrolar de tecidos, técnicas posicionais, toque com libertação de memórias e somatizações, rocking , e muitas outras de acordo com a situação e de acordo com os tecidos.

Existem várias terapias miofasciais mas aquela em que tenho formação trabalha a fáscia de todo o corpo (a fáscia muscular, a fáscia visceral e trabalha todo o sistema sacro craniano), etc. sendo diferente de outras que só trabalham a parte muscular ou que só trabalham os pontos dolorosos (trigger points).

Mais, ela trabalha sobretudo as causas das dores e as causas dos pontos dolorosos, trabalhando suavemente mas em profundidade, ela altera o tecido conectivo que como hoje se sabe é o responsável por inúmeros problemas de saúde e pelos fracos resultados das terapias e medicinas que se costumam usar.

A fáscia é o tecido conectivo que liga, envolve e protege todas as partes do nosso corpo; desde as células e as artérias aos músculos, ossos, órgãos, etc. tudo está envolvido pela fáscia.

Traumatismos, inflamações, cirurgias, más posturas, e outras situações criam alterações na fáscia que acabam por criar pressões e tensões, resultando muitas vezes em pressão excessiva nos nervos, nos músculos, nos vasos sanguíneos, nos vasos linfáticos, nas estruturas ósseas e nos órgãos.

A importância da Libertação Mio Fascial torna-se bem patente quando compreendemos que a fáscia envolve e penetra em cada músculo, osso, órgão, indo até ao nível celular e que ela pode criar uma força ou pressão de cerca de 140 kgs por centímetro quadrado quando tensa, o que pode provocar fortes dores e limitações de movimentos ou mesmo mau funcionamento de órgãos, nervos, vasos, etc.

é comum os pacientes que estão sobrecarregados com crónicas ou fortes compressões miofasciais terem grande agitação mental, irritação, desgaste, cansaço, incómodos, insónias e outros pensamentos e emoções desagradáveis. Também é comum ouvi-los dizer quão profundamente aliviados eles ficam dos seus pensamentos e emoções depois da terapia lhes ter aliviado as compressões e os pontos dolorosos associados.

Uma vez que nenhum dos exames médicos actuais mostra as restrições da fáscia, pensa-se que uma grande percentagem de pessoas que sofrem de dores crónicas, dores de cabeça, falta de mobilidade, paralisias, etc. podem ter problemas na fáscia que escapam a qualquer diagnóstico.

A fáscia é constituída sobretudo por colagénio e elastina o que permite elasticidade e resistência contra estiramentos excessivos.

Quando essa elasticidade se perde, as dores, os desconfortos e outros problemas de saúde costumam ser os resultados.

Na parte muscular a fáscia tem um papel primordial uma vez que são os músculos que movimentam os ossos e são os músculos que estando tensos (devido a alterações na sua fáscia), criam as escolioses, as lordoses, os problemas cervicais, etc., etc.

Nenhuma técnica, terapia ou medicina dará os melhores resultados a menos que a fáscia dos músculos seja libertada.

Esta é uma terapia para libertar a fáscia muscular e trabalhar todo o sistema sacro craniano conseguindo-se assim resultados que se tornam duráveis e permanentes.

é bem conhecido o efeito do relaxamento que muitas técnicas e terapias têm sobre os músculos e sobre as dores, devendo-se isso à libertação das tensões dos tecidos (músculos).

No entanto essas tensões voltam mais depressa do que gostaríamos, acabando-se por voltar ao mesmo. A razão é simples: elas não alteram a fáscia ou seja não alteram a estrutura da fáscia e assim os tecidos e o corpo voltam de novo ao padrão que estão habituados a ter. O alívio acaba assim por ser temporário e por não se manter.

Para que isso não aconteça temos de fazer a desmemorização celular ou melhor a desmemorização da fáscia ou seja libertar a fáscia das suas tensões e compressões e das tensões e compressões que ela está a exercer sobre o corpo, órgãos, músculos, nervos, vasos sanguíneos, etc..

As alterações da fáscia criam um padrão nos tecidos que funciona como uma memória ou um padrão que não desaparece enquanto não se alterar essa mesma fáscia ou seja enquanto não se alterar a estrutura elastina - colagénio que a compõem.

Alterar esta estrutura de elastina - colagénio era uma coisa que se julgava impossível e a prová-lo estão os fracos resultados e os resultados que não se mantêm quando se usam as terapias ou medicinas convencionais ou não convencionais.

E foi assim que se criou o mito que "não existe solução" para muitos dos problemas que existem no nosso dia a dia como a fibromialgia, as dores miofasciais, as dores crónicas e muitas outras condições.

Quando se altera a fáscia, devolvendo a elasticidade e flexibilidade aos tecidos, e se retira a pressão dos tecidos, as dores desaparecem, a circulação sanguínea, linfática e nervosa melhoram e muito se consegue onde antes se dizia nada ser possível fazer.

A melhor terapia para conseguir alterar a fáscia devolvendo-lhe a sua flexibilidade e elasticidade é a Libertação Mio Fascial.

A Libertação Mio Fascial infelizmente muitas vezes só é procurada quando a terapia tradicional, a medicação ou a cirurgia falharam em produzir os resultados esperados ou quando a pessoa passou anos a sofrer sem ter encontrado nada que a tivesse ajudado.

A Libertação Mio Fascial, devido ao seu toque muito suave, está indicada para adultos, crianças e recém nascidos e para muitas condições tais como:

  • Dores de cabeça e enxaquecas.

  • Sinusite.

  • Zumbidos, tonturas, etc.

  • Traumatismos na cabeça.

  • Problemas da ATM (articulação tempero mandibular).

  • Problemas respiratórios (asma, bronquite, etc.)

  • Problemas pediátricos.

  • Desordens do défice de atenção (ADHD)

  • Hiperactividade.

  • Autismo; Paralisias.

  • Dislexia e problemas de aprendizagem.

  • Problemas de olhos como estrabismo, nystagmus, etc.

  • Dificuldades de coordenação motora.

  • Dores de costas, lombalgias, etc.

  • Dores cervicais.

  • Escolioses, lordoses, cifoses, etc.

  • Fibromialgia.

  • Desordens do tecido conectivo.

  • Síndroma de Fadiga Crónica.

  • Tendinites.

  • Dores crónicas.

  • Paralisias.

  • Depressão.

  • Depressão pós parto.

  • Síndrome pré menstrual.

  • Lesões desportivas recorrentes.

  • Artrite e Artrite Reumatóide.

  • e muitas outras situações.

Demasiadas vezes os pacientes são tratados apenas aos sintomas que apresentam e não às causas dos mesmos.

O resultado é que o alívio é de curta duração e os sintomas acabam por voltar muitas das vezes acrescidos de outros pois o problema vai alastrando silenciosamente pelo corpo.

Devido ao desconhecimento de que existe  algo que de facto trabalha as causas e não apenas os sintomas, é frequente ouvir-se dizer que "não existe solução" ou que "não há nada que possa ajudar", ou que "não há nada que se possa fazer", etc.

Desta forma a pessoa entra numa situação de sofrimento constante que vai aumentando ao longo dos dias, meses e anos, impedindo-a de viver e de ser útil para os seus, acabando por vezes por se tornar um peso não só para a família mas também para quem lida com ela e para o próprio país.

Felizmente que isso não tem de ser assim. Inúmeras pessoas têm encontrado e usado a Libertação Mio Fascial a qual lhes permitiu o retorno a uma vida normal ou pelo menos muito mais normal.

Eu tenho vindo a aplicar esta terapia tal como outras para conseguir ir às causas dos problemas e resolver essas mesmas causas conseguindo dessa forma grandes resultados e resultados duradouros.

Em Portugal eu estou a aplicar esta terapia bem como muitas outras.

Na Europa são muito poucas as pessoas que a aplicam uma vez que a formação é nos EUA. Desta forma ela é totalmente desconhecida da grande maioria dos profissionais e dos cidadãos a nível europeu.

Tal como o Upledger Institute dos EUA tem programas de tratamentos de Terapia Sacro Craniana para os casos mais difíceis ou complicados, também os Myofascial Release Treatment Centers nos EUA têm programas de tratamentos para os casos mais difíceis ou complicados onde as principais técnicas aplicadas são técnicas de Libertação Mio Fasciais.

Pode ler mais em inglês:

E também nesta revista de massagem http://www.massagemag.com

ou em: www.myofascialrelease.com

José Carlos Santiago +(351) 93.459.1780 (Rede Uzo/TMN). Se não atender, deixe mensagem. Obrigado.